De 21 a 25 de Outubro/2012 | Canela RS

Notícias

O rock do Detonautas vai fazer a festa na Serra Gaúcha

Clique para ampliar

Detonautas

Em nova fase, Detonautas Roque Clube lança EP independente

Depois de muitos anos lançando discos sob o respaldo de grandes gravadoras, como a Warner Music e a Sony/BMG, por exemplo, o grupo carioca Detonautas volta a figurar a lista de artistas independentes do Brasil.

Mas engana-se quem pensa que isso é um problema para Tico Santa Cruz (voz), Renato Rocha (guitarra), Tchello (baixo), Fábio Brasil (bateria), Phillippe (guitarra) e DJ Cleston (pick-ups).

Muito pelo contrário! Agora, os garotos de 30 e poucos anos têm, juntos, a oportunidade de curtir a liberdade criativa e as infinitas possibilidades de disseminação de conteúdo que a internet, nos tempos modernos, proporciona a
todo e qualquer artista.

“Estamos produzindo nosso próprio material, no nosso próprio estúdio e lançando pelo nosso próprio selo. São músicas que têm letras consistentes, uma grande diversidade sonora, e que mostram o que aprendemos ao longo de 15 anos de carreira. Particularmente, gosto muito do astral de todas elas”, diz Renato.

“Finalizamos cinco músicas e lançamos quatro delas na rede. Na verdade, decidimos soltar o material assim, aos poucos, para testar o mercado como um todo. Continuaremos com esse processo de gravação e, ao chegarmos a 10, 12 músicas, faremos um CD „cheio. para deixar mais que registrado esse nosso momento”, completa Fábio.

As músicas as quais o guitarrista e o baterista se referem são Sabemos Fingir, Conversando Com O Espelho, Sua Alma Vai Vagar Por Aí, Um Cara De Sorte e Combate. Fruto da nova safra de composições, elas fazem parte do sexto trabalho da banda, um EP que acaba de ser lançado de maneira virtual (Mensalmente, desde julho passado, a banda vem disponibilizando faixa a faixa o novo trabalho, apostando num formato inovador dentro da indústria fonográfica) e física, e mostram a nítida evolução dos músicos em todos os sentidos.

Produzidas pelo próprio Detonautas em seu estúdio, o Mobília Space, foram gravadas pelo engenheiro de som Rodrigo Valle, mixadas por Fabio Brasil, Rodrigo e pelo produtor musical Marcelo Sussekind – com o qual o grupo já havia trabalhado – e masterizadas por Ricardo Garcia.

“Procuramos aproveitar ao máximo nosso estúdio. Por isso, fizemos tudo com muita calma e só „fechamos. as músicas quando sentimos que elas estavam soando da forma como imaginávamos. Para escolhê-las, entramos em um acordo. O objetivo era ficar com aquelas que mostrassem nossas diferentes „ondas., já que não nos
prendemos a um único estilo e gostamos de „passear. pelo Rock.n Roll”, explica Renato.

“Cada música recebeu um tratamento especial no que diz respeito às vozes e, claro, aos arranjos. Dentro do estúdio, nossa maior preocupação foi registrar com autenticidade cada uma das performances executadas, afinal de contas, não tínhamos limites de horas, contextualizações e orçamentos”, emenda Fabio.

No EP, o grupo conta com as participações mais que especiais de artistas como Jefferson Gonçalves, que toca sua gaita em Conversando Com O Espelho; Cone Crew Diretoria, que divide os vocais com Tico em Sua Alma Vai Vagar Por Aí, e Felipe Lour, que toca guitarra em Combate e assina a co-autoria da composição.

Inspirada nas lutas de Mixed Martial Arts (MMA ou, popularmente, Vale Tudo), a pesada Combate já é tema do canal homônimo de TV e seu vídeo clipe – dirigido pelo baixista Tchello no centro de treinamento do lutador Rodrigo Minotauro, uma das estrelas do esporte – tem a participação de Bruno Caveira, atleta profissional patrocinado pelo Detonautas.

No entanto, é por meio da linda balada Um Cara De Sorte, outra excelente composição, que o grupo volta espontaneamente às rádios de todo o país. A música, que começou a ser executada pela Jovem Pan FM, agora, está entre as mais pedidas em boa parte das emissoras do dial, e seu clipe, também dirigido por Tchello, já faz bonito na TV.

E por falar em excelência, é de sumária importância destacar a qualidade das letras do trabalho, todas escritas por Tico Santa Cruz, um estudioso, que, a cada dia, expressa melhor seus sentimentos.

“Como compositor, sempre busquei variar os temas e as abordagens nas letras do Detonautas. É claro que com o amadurecimento você aprende a expressar melhor o que esta sentindo, mas isso não seria possível sem estudar”, diz o vocalista. “Estudar e ler muito é o que tenho feito desde 2001 e o que nunca deixarei de fazer, para que possa atender às minhas expectativas em relação ao que posso produzir”, encerra ele.

Para ouvir e baixar as novas músicas do Detonautas, acesse www.detonautas.com.br
 


+ Veja a relação completa de notícias

<Voltar