Redes sociais
Facebook Twitter YouTube Instagram
Aplicativo da Festa
Baixe nosso aplicativo.
Disponível na Apple Store
Disponível no Google Play
Newsletter

Cadastre-se para receber nossas newsletters.

Nome*

E-mail*

#VOCENAFNM
Marta Faé com Rosemary

Marta Faé com Rosemary

+ Ver mais fotos
Vídeos
legenda

Vídeos da Festa no Youtube

+ Ver mais vídeos
Notícias do evento
Revista Festa
Nacional da Música

De 18 a 22 de outubro de 2015 | Canela RS

Artistas

Daniel San

Clique para ampliar

Daniel San

Atualmente em carreira solo, Daniel San (ex-vocalista do grupo Sambô) já confirmou presença na Festa Nacional da Música 2015. 

Cantor, ator, instrumentista e compositor, Daniel Tessari Ferreira Santiago nasceu em Bauru (SP). Passou a infância e a adolescência no município de Descalvado, interior do estado de São Paulo. Desfilou pela primeira vez em uma escola de samba com um ano de idade, acompanhando a mãe, porta-bandeira, e o pai, que fazia malabares com pandeiro, com quem aprendeu a prática, número presente em seus shows.

Músico autodidata, aos 3 anos já batucava em um pandeiro que tinha em casa, tornando-se percussionista mais tarde.

Ganhou seu primeiro cachê aos 8 anos, como malabarista de pandeiro, acompanhando nove mulatas em um show, pelo qual recebeu 500 cruzeiros.

Em 1998 gravou seu primeiro CD solo, “Como nunca estive aqui”, com composições de sua autoria. Integrou a banda PB Messias, atuando como vocalista e percussionista, ao lado de Du Loja (guitarra), Mauro Bueno (voz e contrabaixo) e Sudu Lisi (bateria). Com a banda gravou os CDs “Desencano” e “O beijo da luz”, este último não chegou a ser lançado.

Integrou a Banda Sincrônica, que realizava a mistura de música instrumental e vídeos em suas apresentações.
Foi responsável pela trilha sonora do espetáculo “Brincadeira” (2007), da Cia de circo Acrobático Fratelli. Integrou o grupo Sambô, com o qual lançou em 2009 o CD/DVD “Sambô ao Vivo”.

Em 2010 lançou o CD “O Traço vol. 1”. O show solo “O Traço”, espetáculo multimídia com circo e projeções, foi apresentado no Teatro Municipal de Ribeirão Preto (SP), em alguns dos SESCs do estado de São Paulo e em uma temporada no Memorial da América Latina, em São Paulo. Foi responsável pela trilha sonora do curta-metragem “Profana Via Sacra”, de Alisson Sbrana, vencedor do “Festival de Brasília do Cinema Brasileiro”, na categoria “Curta em 35 mm”.

Como percussionista participou da gravação do CD “Acoustic But Plugged in!”, da banda de rock Hangar.
Em 2012 lançou, pelo selo Som Livre, o CD duplo/ DVD “Estação Sambô”, com o grupo que chegou a fazer cerca de 20 a 25 apresentações por mês nesse mesmo ano. 

<Voltar